One thought to “Conversar com amigo: por que é diferente de fazer terapia?”

Participe, queremos ler o que você tem a dizer