Anúncio

O que é o amor próprio, afinal?

1
(1)
1 min de leitura · 

Ah o amor próprio!

Nos bombardeiam há muito tempo com a ideia de que nossa felicidade, estabilidade emocional e, inclusive o amor, estão intimamente ligados a maneira como nos amamos. Ou melhor, a como nos amamos ou não.

Temos que admitir, dito dessa maneira, parece muito bom. Se você não tem amor próprio, não poderá amar o outro. Mas ta aí uma pergunta que sempre me faço: o que é amar-se a si mesmo?

Pode parecer egoísta, não? Há quem entenda dessa maneira e aplica o famoso “eu em primeiro lugar”. Uma interpretação muito particular da proposta de amar-se, mas não creio que a coisa deva ir bem por aí.

Amarmos a nós mesmos é começar um caminho adequadamente.

Ou seja, não se trata de amar aos demais e não nos amarmos. O fato é, não será possível amar o outro se o ponto de partida não sou eu mesmo. Ficou confuso?

Me explico. Se não nos amamos, não nos cuidamos e dizemos que amamos aos demais, o que estamos fazendo é buscar no outro o que não somos capazes de fazer conosco. E isso sim é egoísmo. Além de ser a base de um amor dependente. Uma relação assimétrica, na qual uma pessoa tenta encontrar na outra aquilo que não é capaz de dar a si mesma.

Leia também: Amor próprio – 5 passos para alcançá-lo

Já sei. Parece um grande desafio, um enigma, praticamente. Mas conseguiremos entender facilmente se admitimos o amor como igualdade. nela somos capazes de oferecer ao outro algo que conhecemos e sabemos como fazer. Algo que decidimos livremente, não pela necessidade que nasce da carência própria, mas pelo desejo de compartilhar nosso amor próprio, com outra pessoa.

Retirado de Cámbiate Blog (traduzido e adaptado)

O quanto este post foi útil para você?

Psico.Online @sitepsicoonline

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

Share
Published by
Psico.Online @sitepsicoonline

Recent Posts

Quando paramos de nos preocupar com os outros…

Quando paramos de nos preocupar com os outros, a primeira vista, idealizamos que nossa vida melhoraria. Olha, preciso dizer, isso…

2 semanas ago

Infelicidade: me apeguei a ela e agora?

Infelicidade é a palavra felicidade com o prefixo de privação ou negação. Pode ser compreendida como o oposto da felicidade.…

2 meses ago

Masturbação Infantil: não fique na mão com o assunto.

Esses dias respondi algumas perguntas sobre Masturbação Infantil para o site bebe.com.br e, como eles não utilizaram todo o conteúdo,…

2 meses ago

E quando sobra pra gente?

"Sobra pra gente" o que sobrou pra você ou para mim? Quem nunca levou "uma" sem nem ao menos estar…

2 meses ago

Escutar, ouvir e falar. O que você tem feito?

Ouvir ou escutar remete a ações muito parecidas. Muita gente sabe a diferença, mas no dia a dia — pelo…

2 meses ago

Será que eu sou gay?

Gay, homosexual, será que meu interesse sexual é assim ou assado? Lembro da primeira vez que vi essa pergunta por…

2 meses ago

This website uses cookies.