family of four walking at the street

Um sistema complexo chamado família: 1 ou 2 conceitos para você pensar…

Alguns estudiosos dizem que família é uma ponte que nos liga a sociedade, outros que é um sistema complexo e dinâmico, capaz de nos proporcionar ensinamentos sociais, culturais e afetivos e outros que é simplesmente aquela que cuida, direciona.

O que eu sei é que muitas  pessoas não tiveram a “sorte” da família Doriana, com uma mesa cheia de comida, compreensão, carinho e alegria, que nem mesmo tiveram pessoas que lhes ensinassem o que é o amor, mas como será que isso pode influenciar na vida adulta?

Pessoas que não tiveram boa base familiar, provavelmente terão reflexos negativos em suas futuras relações.

Pode ser que apareça um medo de se envolver, uma relação tóxica, dependente, escravizada.

Pode ser que você não saiba retribuir um elogio, um carinho.

Pode ser que você queira doar-se demais para manter uma pessoa ao seu lado, pode ser que você seja absolutamente inseguro ou fantasie uma relação perfeita que nunca existirá, mas isso tudo tem cura.

Um psico pode te ajudar a resignificar as pontes afetivas, pode te ajudar a encontrar o amor próprio, sem a necessidade de existir através do olhar alheio, pode te ajudar a abrir o seu coração e conquistar a plenitude.

O que é família?

family making breakfast in the kitchen família
Photo by August de Richelieu on Pexels.com

Quando buscamos no dicionário o termo família encontramos o seguinte:

família | substantivo feminino

  1. grupo de pessoas vivendo sob o mesmo teto (esp. o pai, a mãe e os filhos).
  2. grupo de pessoas com ancestralidade comum.
  3. pessoas ligadas por casamento, filiação ou adoção.
    • Sentido FIGURADO (SENTIDO) • FIGURADAMENTE um grupo de pessoas unidas por convicções ou interesses ou provindas de um mesmo lugar.
    • grupo de coisas que apresentam propriedades ou características comuns.
  4. Para a BIOLOGIA é categoria que compreende um ou mais gêneros ou tribos com origem filogenética comum e distintos de outros gêneros ou tribos por características marcantes.
  5. Para as ARTES GRÁFICAS é o conjunto de tipos cujo desenho apresenta as mesmas características básicas.
  6. Para a QUÍMICA é o mesmo que GRUPO.

A Origem no estudo das palavras vem do latim familĭa,ae que foi atrelado ao significado de ‘servidores, escravos, séquito, casa, família’

Mas, como tudo na sociedade, o conceito de família segue o tempo, as regionalidades e as características culturais de onde aquele grupo se encontra.

Em alguns artigos de psicologia podemos entender que o que é família:

a família é concebida como o primeiro sistema no qual um padrão de atividades, papéis e relações interpessoais são vivenciados pela pessoa em desenvolvimento e cujas trocas dão base para o estudo do desenvolvimento do indivíduo [1]

(…) as características mais pessoais e particulares da vida intima do individuo permanecem obscuras, somente se tornando sinais significativos quando são remetidas à origem no corpo medicamente significante da família. Logo a família é o segredo do individuo (Pôster, 1979, p. 22). [2]

O que é ser família?

A família é, para a Psicologia, revestida de uma im­portância capital, dado que é o primeiro ambiente no qual se desenvolve a personalidade nascente de cada novo ser humano. [3] Assim, a família é vista como o pri­meiro espaço psicossocial, protótipo das relações a serem estabelecidas com o mundo.

É a matriz da identidade pessoal e social, uma vez que nela se de­senvolve o sentimento de pertinência que vem com o nome e fundamenta a identificação social, bem como o sentimento de independência e autonomia, baseado no processo de diferenciação, que permite a consciência de si mesmo como alguém diferente e separado do outro.

O pertencer é constituído, por um lado, pela participação da criança nos vários grupos familiares, ao acomodar-se às regras, padrões intera­cionais e compartilhar da cultura particular da família, que se mantém através do tempo, como mitos, cren­ças, hábitos..

Portanto o que caracteriza fundamentalmente a família são as relações de afeto e compromisso e a durabilidade de sua permanência como membro.

O propósito da família seria prover um contexto que supra as necessidades primárias de seus mem­bros, referentes à sobrevivência – segurança, alimen­tação e um lar -, ao desenvolvimento – afetivo, cog­nitivo e social – e ao sentimento de ser aceito, cui­dado e amado.

Bibliografia

[1] Silva, Nancy Capretz Batista da, Nunes, Célia Cristina, Betti, Michelle Cristine Mazzeto, & Rios, Karyne de Souza Augusto. (2008). Variáveis da família e seu impacto sobre o desenvolvimento infantil. Temas em Psicologia16(2), 215-229. Recuperado em 03 de agosto de 2022, de http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-389X2008000200006&lng=pt&tlng=pt.

[2] Boarini, Maria LúciaRefletindo sobre a nova e velha família. Psicologia em Estudo [online]. 2003, v. 8, n. spe [Acessado 3 Agosto 2022] , pp. 1-2. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1413-73722003000300001. Epub 24 Mar 2004. ISSN 1807-0329. https://doi.org/10.1590/S1413-73722003000300001.

[3] Macedo, R. M. (2013). A família do ponto de vista psicológico: lugar seguro para crescer?. Cadernos De Pesquisa, (91), 62–68. Recuperado de https://publicacoes.fcc.org.br/cp/article/view/877

Post original: 31/03/2016 | Revisado e ampliado: 03/08/2022

Clique para votar
[Total: 3 Average: 4.3]

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

Gostaríamos de escutar o que você tem a dizer.

Rolar para cima