2 min de leitura · 

Sintonias emocionais não é exatamente o que chamamos de termo técnico na psicologia.

Está mais para uma percepção ao seu estilo de vida e uma escolha em direcionar sua energia para aquilo que você quer para si.

É um agrupamento dos princípios para iniciar no Mindfullness que já falamos nas 7 atitudes básicas do Mindfullness.

Essa atitude de se sintonizar no seu estado emocional ajudará a perceber como você está levando a vida, como são as suas atitudes em relação a ela e às pessoas ao seu redor.

Facilitará tomar decisões que melhorem a consonância, tanto sua, quanto as relacionadas a ela como em uma teia de aranha que você toca em um ponto e o outro lado sentirá as vibrações.

Está ligado a questionar-se sobre sua postura e o que ela está gerando além de ter a opção para mudar essas harmonias emocionais e melhorar os resultados provindos dela.

A percepção ajuda ver o que é que está te gerando ansiedades, atitudes negativas, brigas ou também o contrário disso, já que suas sintonias emocionais além de afetar você também afetará aqueles que estão a sua volta.

Por exemplo, se você está em uma vibe negativa ou ruim, onde tudo é ou está meio uó, absolutamente tudo dá errado ou incomoda e onde tudo está realmente uma porcaria ou não vale a pena, essas vibrações só atrairão mais percepções nesse mesmo sentido.

Agora quando você está ligado em como andam as suas vibrações emocionais você tem a oportunidade de mudar.

Vamos a outro exemplo: você acordou com o humor péssimo e ao sair da cama até o banheiro já dá uma patada em alguém, o que vai acontecer? A pessoa ao seu lado que recebeu a pata passará a vibrar nessa mesma emoção e muito provavelmente a confusão começará.

É importante pensar nas suas sintonias e percebê-las em três estágios diferentes: ruim, boa ou neutra.

pexels budgeron bach 5157196 1 Psico.Online Acesse agora.
Foto de Budgeron Bach no Pexels

Então, o que fazer quando percebe uma sintonia emocional?

Ao perguntar-se como anda sua atitude em relação a determinada emoção você passa a ter um pouco mais de controle sobre ela.

Pegue o último exemplo da patada, se você der um sorriso ou dar um bom dia o invés da patada, provavelmente receberá de volta essa mesma vibração e surpreenderá o outro que estava na sintonia neutra em relação a você. Logo, você mudou as possibilidades em relação a sua sintonia ruim.

Agora quando você ou o outro está na sintonia neutra, existe a possibilidade de ir tanto para o lado mais positivo quanto para o negativo.

Quando a sua sintonia está boa as coisas começam no estágio do bom e têm mais chances de seguirem na direção do ótimo.

A partir do momento que você passa a perceber as suas sintonias emocionais, também começa a treinar seu sintonizador para isso e perceberá o outro para aceitar ou negar resultados com base no que a sintonia da pessoa te oferece.

Troquemos os lugares do exemplo da patada e as sintonias dela para um horário diferente e uma situação noutra sintonia: você está indo para algum lugar e alguém em uma sintonia boa te elogia, sorri para você ou te faz uma gentiliza sem esperar nada em troca.

Você sorrirá ou ficará vibrando em uma sintonia ruim?

As chances de tudo se tornar melhor quando você está prestando atenção as pequenas sutilizas da sua sintonia são bem maiores do que quando não está prestando atenção.

Isso vale também para as tarefas, colocar-se totalmente naquela vibração não deixando espaço para o ruim, dedicar-se exclusivamente a uma ação demonstrando satisfações, respeitos e relações boas ao invés de relações conflituosas também farão você se sentir melhor em relação a essas atitudes, tanto para você quanto para os outros que estão envolvidos nessas tarefas…

Mas aí já é outro assunto.

Vamos então prestar mais atenção as nossas sintonias?

Comente como você anda sintonizando as suas emoções e até breve.

Clique para votar
[Total: 1 Average: 5]

Sobre os Autores do Post:

Website | + posts

Psicólogo CRP 06/154.661 - Formado Psicologia e em Administração com ênfase em Marketing, workaholic geek que respira tecnologia, pesquisador e mestrando em tecnologias da inteligência e design digital. É um dos fundadores do Psico.Online e do MeuPsicoOnline.com.br

4 comentários em “Sobre sintonias emocionais e seus resultados

Gostaríamos de escutar o que você tem a dizer.