3 min de leitura · 

O que é um relacionamento saudável? Um relacionamento saudável e sadio é uma convivência formada por indivíduos, que têm entre si uma relação acordada de respeito, autonomia, atenção, limites, liberdade e comunicação em doses equilibradas onde não se esquecem os direitos, obrigações, responsabilidades, individualidades de cada um e também do próprio relacionamento.

São no mínimo três atenções direcionadas para um relacionamento saudável: dois indivíduos e o relacionamento.

Vale lembrar que quando falamos em relacionamento não estamos nos referindo apenas ao relacionamento amoroso. Temos relacionamentos amorosos, profissionais, parentais e assim por diante, neste link você pode inclusive saber um pouco mais de cada um deles.

Mas sigamos. Para compreender, o que é um relacionamento saudável primeiro entenderemos a origem da palavra “relacionamento”.

Relacionamento vem da raiz relação, que por sua vez, vem do latim relatio. [1] Em latim, relatio significa o ato de relatar, narrar algo ou alguma situação ou ainda de trazer alguma coisa de volta. 

Já relatio vem da raiz relatus, que é uma forma do verbo refero que pode ter vários significados como: relatar alguma coisa, referir-se a algum assunto, relembrar, dar ou trazer alguma coisa de volta e, em todos os seus significados, refero vai de encontro ao trazer alguma coisa de volta, seja a um lugar, ou a uma pessoa ou memória. Refero indica “voltar a levar” ou “trazer outra vez”.

Com o tempo, o significado da palavra relação mudou para a ligação entre duas coisas ou pessoas e a palavra relacionamento seguiu para descrever o ato de se relacionar com outra pessoa ou para ser mais “literal” para voltar a levar à memória ou a outra pessoa. 

Perceba que nesse sentido falamos do movimento entre os indivíduos “na relação” e não das suas individualidades. Estamos no âmbito dos seus acordos, necessários a esse movimento ou das conversas para ajustar suas necessidades, desejos, vontades, amizade e tudo o que é necessário para uma boa convivência.

Conviver, por sua vez, vem do compartilhamento da vida, do co-existir em um espaço, ou seja, seguimos para o lado comum – ou comunitário (comum entre os unitários) onde a individualidade tem foco e precisa de atenção. 

O conviver passa a depender dos acordos e da volta a esses acordos em uma referência circular, uma relação ou o relacionamento.

Parte disso também deve observar o tempo e o desenvolvimento individual em um processo contínuo, pois, ao aproximarmos dois ou mais indivíduos nas suas relações, reatamos todos esses elementos que precisam, portanto, de uma “cola” comum que é dada por meio da comunicação.

Isso é o relacionamento. E um relacionamento saudável? O relacionamento saudável é aquele que equilibra de maneira harmônica, por meio da comunicação, todo esse composto. 

Um relacionamento tóxico, por sua vez, é quando esses elementos passam a intoxicar algum dos elementos do relacionamento, tornando-o, não saudável no tempo. Adoecido, com possibilidade de alcançar um fim, por exemplo.

Imagine uma cesta de frutas, se uma delas estraga, a proliferação de fungos, bactérias começa prejudicar aquelas que estão no tempo certo e a sua volta.

Não é tão simples, e um cuidado importante para essa analogia é que diferente das frutas, não podemos descartar “o ser” da relação. Falamos de pessoas, de sentimentos, de “relações que voltam para você”, mas precisamos cuidar para que esse equilíbrio seja mantido e a ferramenta para isso é a palavra, a convivência e as ações.

Mesmo assim, vamos a algumas dicas, escolhidas pelos nosso profissionais para um relacionamento saudável.

14 dicas para um relacionamento saudável

father talking to his son- relacionamento saudável
Photo by August de Richelieu on Pexels.com
  • Respeitar a sua própria individualidade
  • Respeitar a individualidade do outro
  • Respeitar os acordos do relacionamento
  • Saber que o relacionamento é composto por no mínimo 3 interessados
  • DR não é um castigo é uma coisa boa e uma necessidade
  • Estabeleça limites, critérios e desejos claros
  • Não sequestre ou delegue suas responsabilidades ou crises
  • Não jogue, não é uma competição
  • Desista: do controle, de ter razão, de fazer birras…
  • Assuma suas responsabilidades, deveres e papel
  • Arrisque-se um pouco para o bem da sua relação
  • Analise as coisas com consciência: raiva, ansiedade, mágoa costumam gritar.
  • O que você pode fazer verdadeiramente pelos outros dois?
  • Comunique-se verbalmente, com ações, por escrito. Use todas as formas possíveis para fazer valer a palavra entre vocês.

Referências do texto o que é um relacionamento saudável para psicologia

[1] https://www.dicionarioetimologico.com.br/relacionamento/

Baumel, Cynthia Perovano Camargo, Guerra, Valeschka Martins, Garcia, Agnaldo, & Rosário, Alini Gusmão. (2020). Consumo de Pornografia e Relacionamento Amoroso: uma Revisão Sistemática do Período 2006-2015. Gerais : Revista Interinstitucional de Psicologia13(1), 1-19. https://dx.doi.org/10.36298/gerais2020130103

Araújo, Maria de FátimaAmor, casamento e sexualidade: velhas e novas configurações. Psicologia: Ciência e Profissão [online]. 2002, v. 22, n. 2 [Acessado 2 Julho 2021] , pp. 70-77. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1414-98932002000200009. Epub 06 Set 2012. ISSN 1982-3703. https://doi.org/10.1590/S1414-98932002000200009.

Sardinha, Aline, Falcone, Eliane Mary de Oliveira e Ferreira, Maria CristinaAs relações entre a satisfação conjugal e as habilidades sociais percebidas no cônjuge. Psicologia: Teoria e Pesquisa [online]. 2009, v. 25, n. 3 [Acessado 2 Julho 2021] , pp. 395-402. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0102-37722009000300013. Epub 04 Dez 2009. ISSN 1806-3446. https://doi.org/10.1590/S0102-37722009000300013.

Clique para votar
[Total: 2 Average: 5]

Sobre os Autores do Post:

Website | + posts

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

3 comentários em “14 dicas e o que é um relacionamento saudável.

Gostaríamos de escutar o que você tem a dizer.