4 min de leitura · 

Psicólogo online, psicólogas que atendem pela internet, psicoterapia em grupo por meio dos canais digitais – mediadas por tecnologias da informação e da comunicação – são termos que embora tenham se tornado comuns durante a pandemia do COVID-19 ainda deixa muita gente, que nunca precisou de um psicólogo, com um pé atrás.

As dúvidas se misturam com aquelas que já existiam no atendimento do psicólogo lá na clínica com paciente e profissional frente a frente, e este post, tem a pretensão de responder 10 dessas perguntas sobre o trabalho do psicólogo online.

Afinal, o Psico.Online nasceu antes da pandemia como uma plataforma de cyberpsicologia, antes do distanciamento social e continua até hoje, ligando profissionais e quem precisa de atendimento por meio da Internet.

Sim e vários estudos científicos comprovaram que a eficácia do trabalho do psicólogo online é semelhante com a psicoterapia no consultório.

Algumas mudanças são claras, mas o canal de comunicação digital, com suas características próprias – principalmente agora durante a Pandemia – se mostrou tão eficiente e eficaz quanto a consulta local.

Reparem, por exemplo, que utilizo o termo consulta local ou atendimento no consultório ao invés de dizer: atendimento presencial.

Faço isso, pois no atendimento do psicólogo online, você também está presente – na presença do psicólogo – mas um outro lugar para os atendimentos síncronos, que é quando você e o psicólogo online falam ao mesmo tempo utilizando, por exemplo, uma videoconferência.

Na internet você pode estar ao mesmo tempo conectado com a sua psicóloga online.

Vocês estão falando, “em tempo real”, vendo as mudanças de expressões, percebendo os sentimentos por meio de vídeo e, em casos de profissionais experientes, até quando o jeito de escrever muda em um chat, mas você e o psicólogo online estão teclando ao mesmo tempo.

Esse “ao mesmo tempo” é a sincronicidade. Vocês estão ao mesmo tempo conectados e trabalhando.

Quando falamos do modo assíncrono, quer dizer que um dos dois (você ou o psicólogo) não estão online no momento. Isso acontece quando o psicólogo online está atendendo outro paciente, por exemplo, e precisa de um tempo para conseguir ler e responder suas mensagens.

O atendimento assíncrono é quando vocês trocam e-mail, quando vocês utilizam fórum, ou quando você, por exemplo, lê um texto que foi especialmente escrito para o seu caso. Ele faz uma intervenção, mas vocês não estão conectados no mesmo instante.

Não é assim pois os custos mudam. Ao invés do psicólogo pagar o aluguel do espaço na clínica ele precisa pagar o aluguel do espaço digital. O mesmo acontece para manter o site, para fazer um trabalho para que você o encontre e consiga falar com o seu psicólogo online.

Além disso, o tempo de atendimento é o mesmo, pois o profissional se prepara para focar no seu caso durante o tempo da sua sessão, e nesse tempo, o foco está direcionado ao seu caso.

O mesmo acontece para computador, internet e tantos outros custos que o profissional tem para prestar um atendimento de qualidade para você.

Quando o profissional presta um atendimento gratuito, ele está tirando do bolso dele para atender você, pois as contas continuam a chegar. Em alguns casos, os impostos geram financiamento, ou outros tipos de levantamento de fundo, pagam a hora daquele profissional para atender “gratuitamente”.

Muitos profissionais fazem um trabalho social, pois sabem da realidade sócio cultural do nosso país, e nesses casos, ainda assim, fazem de tudo para levar atendimento de qualidade para aqueles que precisam.

Sim, precisa ter essa preocupação por alguns motivos: sigilo, privacidade, segurança e conexão.

Quando você está na clínica com o seu psico, vocês estão de portas fechadas, o profissional normalmente tenta encontrar uma clínica que não vase o som da sala, para que você e o psicólogo possam falar de tudo, sem nenhuma restrição.

Esse processo visa que você fique a vontade para chorar se for necessário, para falar de algo que seja mais constrangedor ou difícil para você sem que tenha interrupções, por exemplo.

Tudo que você fala com o seu profissional é sigiloso, visa proteger sua privacidade e manter você em segurança. No quesito conexão, vocês estão online, e é uma situação complicada quando vocês são interrompidos quando, por exemplo, a internet cai.

Seu psicólogo online está apto para lidar com essa situação, mas se poder prever isso e encontrar um local que a tendência de queda seja menor, é bem melhor concoda?

Não é e nem poderia ser pois cada demanda é diferente.

O psicólogo online precisa avaliar se o assunto que você está trazendo para consulta pode ser atendido por meio da Internet ou não. Existem resoluções do Conselho de Psicólogos que dão orientações aos profissionais para essas situações.

Além disso, há aquelas pessoas que não vão se sentir confortáveis no atendimento online pois não têm tanta ligação com o mundo digital.

Normalmente, quanto mais dificuldade para lidar com tecnologias, menos a pessoa se sente confortável com o atendimento online.

Isso também pode acontecer. Na psicologia temos várias linhas teóricas que têm técnicas diferentes para casos diferentes. Também é possível que você simplesmente não foi com a cara do profissional, isso acontece.

Quando você fala com um psicólogo online e não gosta a melhor alternativa é procurar outro profissional e avaliar, afinal, é preciso que exista confiança no atendimento.

O código de ética do psicólogo é bastante claro sobre isso e só em alguns casos isso pode acontecer e, caso aconteça, os profissionais precisam estar cientes disso.

A preocupação é com o seu atendimento, com o seu jeito de lidar com tudo o que está acontecendo durante a consulta.

Para ficar bem claro, não é recomendável e só é utilizando quando o profissional opta por isso.

Para conseguir responder essa frase, que é até bastante comum, precisamos entender o motivo dessa desconfiança. Pode ser muita coisa, inclusive, essa frase pode ser interpretada como “não confio no atendimento psicológico”, e o online é só um detalhe do canal.

Para isso, precisamos de outro tópico e ser mais assertivos no que gera essa insegurança.

Esperamos que este texto tenha respondido algumas das principais dúvidas sobre o atendimento online. Se tiver outras perguntas, deixe nos comentários. 😉

Clique para votar
[Total: 2 Average: 4.5]

Sobre os Autores do Post:

Website | + posts

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

Um comentário em “Psicólogo online, 8 respostas para quem vai começar sua terapia pela internet

Gostaríamos de escutar o que você tem a dizer.