Telma Silva Azevedo

Nascida em 28/03/1971 em Brasília-DF, casada, mãe de dois filhos, formada em PEDAGOGIA, mas não exerço a profissão. Estudante de psicologia 3º.Semestre, gosto da vida, de escrever, de sorrir e levo todos os acontecimentos diários com a melhor maneira de descomplicar, afinal os dias são feitos para serem vividos por excelência, ainda que nem todos sejam bons. Amo a natureza, viajar, conhecer lugares diferentes e estou sempre a disposição de ajudar o outro, por isso resolvi cursar psicologia. Sou católica praticante e trago comigo, uma grande certeza: cada um fazendo a sua parte, o mundo se torna melhor, mais habitável. Contato: (61) 9-8557-2133

4 thoughts on “Engole o Choro

  • setembro 19, 2018 em 9:33 pm
    Permalink

    Lindo texto! De fato, temos a interpretação errônea de que quem chora é fraco. O choro traz leveza pra alma. Que possamos sempre ter alguém que nos estenda mão e principalmente que ouça o nosso choro. Obrigada por suas lindas palavras.

    Resposta
    • setembro 20, 2018 em 8:33 am
      Permalink

      Que bom, que você gostou. Abraços.

      Resposta
  • setembro 20, 2018 em 2:23 pm
    Permalink

    Que maravilha de leitura afetiva, um aprendizado e SIM precisa ser compartilhado.

    Resposta
    • setembro 20, 2018 em 3:07 pm
      Permalink

      Que bom que gostou, se te inspirou é um bom sinal.Obrigada.

      Resposta

Participe, queremos ler o que você tem a dizer

%d blogueiros gostam disto: