Anúncio
Categories: Bem-estar

Dores na hora H, isso pode ser vaginismo!

4
(1)
2 min de leitura · 

O que é o vaginismo?

É uma contração involuntária dos músculos da vagina impedindo a penetração do pênis, do dedo, de absorventes internos e também de espéculos ginecológicos. (Nada penetra). A mulher não tem domínio sobre esta contração e muitas vezes nem percebe que está contraindo os músculos da vagina. Ela pode apresentar desejo e motivação para a relação sexual, porém não consegue ter nenhuma ou tem pouca penetração. Há a impressão de que a vagina é completamente fechada e que ali não há espaço.

O vaginismo era algo desconhecido até pouco tempo e as mulheres sofreram caladas por não conseguirem manter relações sexuais e uma vida sexual saudável, sem dor ou incomoda.

O que pode levar ao vaginismo?

Vários fatores podem levar ao vaginismo. Inicialmente deve-se observar se há alguma causa orgânica como nódulos dolorosos, infecções nos genitais ou diminuição e ausência completa de lubrificação vaginal.

Embora existam tais causas orgânicas, o mais comum é encontrarmos dificuldades psicológicas relacionadas ao aparecimento do vaginismo. As causas psicológicas são aquelas vivências que podem ter distorcido a imagem de uma vida sexual saudável como sendo muito ruim, prejudicial ou moralmente incorreta.   Situações de abuso sexual ou estupro na infância podem deixar marcante a idéia de que sexo é algo doloroso e sofrido. A criação recebida na infância com mensagens vindas dos pais de que sexo é algo sujo, pecaminoso e prejudicial também podem ser fortemente assimiladas e levadas para a vida adulta no exercício da sexualidade.

Quanto mais cedo a mulher procurar tratamento mais fácil será a solução de sua dificuldade sexual. O que ocorre muitas vezes é que a mulher vive anos de sofrimento e diversas tentativas frustradas de penetração antes de procurar atendimento. A psicoterapia é o tratamento indicado para o vaginismo. Nas sessões a paciente poderá relatar todas as suas experiências de vida, para que através das interpretações do psicólogo haja esclarecimento e compreensão da ligação entre seus problemas mais profundos e sua dificuldade sexual. Também são indicados exercícios para serem realizados em casa, que consistem em expor a mulher gradativamente à situação de conflito (penetração). Em alguns casos o tratamento pode ser realizado conjuntamente ao fisioterapeuta ou ginecologista especialistas em sexualidade. Com o alívio dos temores e fantasias relacionados à penetração, a mulher poderá vivenciar de forma saudável a relação sexual.

Por Maria Claudia Lordello – Psicóloga e Sexóloga – CRP 06/48.566-3

O quanto este post foi útil para você?

Psico.Online

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

Share
Published by
Psico.Online

Recent Posts

Quando paramos de nos preocupar com os outros…

Quando paramos de nos preocupar com os outros, a primeira vista, idealizamos que nossa vida…

2 meses ago

Infelicidade: me apeguei a ela e agora?

Infelicidade é a palavra felicidade com o prefixo de privação ou negação. Pode ser compreendida…

3 meses ago

Masturbação Infantil: não fique na mão com o assunto.

Esses dias respondi algumas perguntas sobre Masturbação Infantil para o site bebe.com.br e, como eles…

3 meses ago

E quando sobra pra gente?

"Sobra pra gente" o que sobrou pra você ou para mim? Quem nunca levou "uma"…

3 meses ago

Escutar, ouvir e falar. O que você tem feito?

Ouvir ou escutar remete a ações muito parecidas. Muita gente sabe a diferença, mas no…

3 meses ago

Será que eu sou gay?

Gay, homosexual, será que meu interesse sexual é assim ou assado? Lembro da primeira vez…

3 meses ago

This website uses cookies.