sucesso profissional, paraquedas, auge, pulo de paraquedas, desafio

Sucesso profissional e o que fazer depois do auge

2 min de leitura

Ontem eu estava assistindo um vídeo da Jout Jout, que falava sobre o peso do sucesso profissional e imediatamente me veio uma cascata de recordações e revisões sobre a minha carreira e eu quero compartilhar com você.

Se tem uma coisa da qual me orgulho muito é, sem dúvida, da minha trajetória profissional.

Não foi fácil ou tampouco simples viver da psicologia clínica, passei muito perrengue atendendo convênio, trabalhando aos sábados ou até tarde da noite, mas eu tinha um objetivo e ele não era pequeno.

Eu queria antes dos 30 anos ter um consultório na Avenida Paulista, atender executivos e não trabalhar às sextas-feiras.

(mais…)

gravidez e o amor em dobro

Gravidez: quando dois corações batem juntos o amor é bem maior

4 min de leitura

Do ventre ao coração…

Teste de gravidez positivo. E agora? Basta apenas a preocupação em comprar fraldas, berço, quarto do bebê? Fico pensando: O quanto de investimento emocional as pessoas estão dispostas a desembolsar neste momento?

Ensaio escrever este artigo há algum tempo. Como investigador do comportamento humano, acredito que estamos mais aptos à discutirmos as particularidades da vida quando experienciamos as inquietações humanas, as quais todas as pessoas estão sujeitas.

Cada caso com suas ressalvas, causas e consequências, entendo que o momento agora é de falar sobre as relações que envolvem, no convívio familiar, a geração de uma nova vida, o relacionamento com a gestante e a preparação emocional para a chegada do novo ente na família.

(mais…)

Você vai gostar de ler também:

quando as coisas parecem não ter sentido, pessoa triste, pessoa na janela, vida sem sentido

Quando as coisas parecem não ter sentido algum

1 min de leitura

Geralmente, quando as coisas parecem não ter sentido algum, a gente se sente perdida, triste, irritada e é preciso um bocadinho de calma para que consigamos devolver o sentido nos eixos.

Nós recebemos uma Caixa de Segredos de alguém com muito pouca idade, dizendo que se sente muita angustiada, que tem tido muitos problemas e que seus pensamentos andam bastante negativos. Diz ainda que está difícil encontrar alguém que a entenda e que geralmente sofre muitos julgamentos e que não está sabendo lidar com tudo isso. (mais…)

Você vai gostar de ler também:

cansada, cansaço

Diálogo com minha parte cansada

0 min de leitura

Estava eu fuçando algumas referências pra escrever o texto de hoje e me deparei com um post no blog do Leocadio Martin, sobre uma conversa interna, de mim com a minha parte cansada. Traduzi e aqui está essa preciosidade para vocês.

Qualquer semelhança com os dizeres, procure refletir e buscar um psicólogo pra te ajudar a melhorar 😉 (mais…)

Você vai gostar de ler também:

Professores os guardiões da chama

1 min de leitura


Cada criança nasce com uma preciosa chama.

Uma chama interior de vislumbramento e potencial para começar
Esta luz interior ilumina o caminho que se extende adiante
Estimulando a curiosidade e mantendo a paixão viva.

Mas há momentos que que essa chama é desafiada desde dentro até fora
A chama pode enfraquecer diante da pressão e pode ser afogada por insegurança
As crianças podem chegar a tropeçar mas nunca estão perdidas
Os professores estarão protegendo essas chamas a qualquer custo.

Junto a uma família atenta e carinhosa
Serão os professores que permanecerão ao lado de cada criança a cada aprendizado
tanto nas alegrias como nas tristezas,
Estes guardiões da chama podem ajudar e guiar
Por que eles compartilham essa chama do aprendizado que brilha intensa a partir de dentro.

Esses professores conhecem o coração da criança
Eles valorizam todo o tipo de inteligência
Os professores ajudam cada criança a escalar
Mais alto e mais longe ao longo do tempo

E tomar posso dos desafios ao longo da sua missão
A aprender e viver o que eles fazem de melhor
Os professores celebram os triunfos e dão apoio nas tormentas
Para manter essa chama que guia tranquila, brilhante e aquecida

Então, é hora de mirar a chama neles.
Nestes Guardiões da Chama
Nós os agradecemos por sua paixão
E lhes damos grande reconhecimento

Por seu conhecimento, investigação, ciência e arte
que permitem serem guardiões da mente e do coração
Para melhorar nossas escolas, nós temos uma escolha
Escutar a voz dos professores
Aquelas vozes tão diversas que protegem a chama interior de cada estudante

Com o dom de saber o que é correto
para manter cada espírito brilhando forte
Então vamos escutar nossos professores
como imaginamos e modelamos escolas que mantenham todas as chamas acesas
e que permita a toda criança a brilhar…

Educação não é encher um balde, mas aceder uma chama
William Butler Yea

Escrito por
Paul A. Reynolds

Arte por
Peter H. Reynolds

Narrador
Chester Gregory

Música e Som
Tony Lechner

Produzido por Fablevision Studios 2013

Você vai gostar de ler também:

mudar de vida, mudar, mudança, mudar de vida, recomeçar

Mudar de vida: atitudes para recomeçar

2 min de leitura

Mudar de vida

Quem nunca digitou no Google: atitudes para mudar de vida está perdendo a oportunidade de ser outra pessoa.

Na verdade, confesso que acabei de fazer isso e me surpreendi com a quantidade de coisas relacionadas, dá realmente pra reformular boa parte da nossa história e se não der pra mudar quem somos, dá pra melhorar como agimos, pelo menos.

Na onda das dicas, vamos hoje proporcionar à você a nossa lista de pequenas atitudes que podem te ajudar a mudar. (mais…)

Você vai gostar de ler também:

vestibular, vestibulando, provas, universidade, faculdade, estudante, profissão

Vestibular, provas, cobranças, resultados e frustrações

2 min de leitura

O Enem costuma abrir o calendário de provas para o vestibular e não demora muito, já podemos ver rostinhos tristonhos e decepcionados por aí.

Se você faz parte dos milhares de vestibulandos no Brasil esse texto é pra você, para que não deixe de cuidar da sua saúde física e mental, nesse momento tão delicado e decisivo de sua vida.

Sabemos que a preparação para o vestibular vai além dos estudos, das aulas intermináveis, dos exercícios, dos simulados.

(mais…)

Você vai gostar de ler também:

luto, morte, perda, cemitério, caixão, partida, morrer

Luto: chaves para superar e seguir adiante

2 min de leitura

Podemos superar o luto passando por momentos mais ou menos difíceis e boa parte disso depende de nós e de nossa postura diante da perda.

As chaves fundamentais para superar o luto

É preciso dar tempo ao tempo. Algumas pessoas precisam de mais tempo para elaborar a perda, outras com muita facilidade passam e fecham o ciclo da dor. De qualquer modo é necessário nos darmos esse tempo, para compreender a ideia de ausência. (mais…)

Você vai gostar de ler também:

estou-grávida-e-agora

Estou grávida, sou adolescente, como conto aos meus pais?

5 min de leitura

Estou grávida!

Estou grávida?

Você já fez o teste.

Você faz o teste novamente.

Você faz uma terceira vez e senta-se em algum lugar: o mundo passando a mil na sua mente. É uma inundação de emoções. Lágrimas brotam. Sorrisos. Lágrimas de novo. Um suspiro.

O fato: você, uma adolescente e grávida.

Você não planejou isso. Você pensou que tinha tomado precauções, mas você está grávida. E agora?

Para alguns adolescentes este pode ser um momento feliz, mas para outros pode parecer como o mundo está prestes a acabar. O futuro que você pensou que estava se desenrolando antes vem gritando.

Uma multidão de emoções irá competir por atenção e, em seguida, você perceberá que há uma coisa que você precisa fazer. Um frio na espinha a envolve. As palavras param em sua garganta e você quer vomitar novamente.

“Como é que eu vou contar aos meus pais?”

(mais…)

Você vai gostar de ler também:

menopausa, climatério, menstruação

Menopausa e qualidade de vida: tem como?

1 min de leitura

Menopausa, Drauzio Varella, Fantástico – vem ler 😉

Ontem o Dr Drauzio Varella iniciou uma série no Fantástico que fala sobre a menopausa, seus sintomas e como sobreviver à eles.

Assistimos, achamos o assunto muito interessante e decidimos falar um pouquinho sobre os aspectos psicológicos e emocionais envolvidos nesse processo.

Por volta dos 40 anos de idade o corpo passa a diminuir a produção de alguns hormônios sexuais, é o tal do climatério. Ele segue até atingir a menopausa, que marca o fim da vida reprodutiva da mulher, a última menstruação. (mais…)

Você vai gostar de ler também: