Culpa: Por que está tão presente no universo feminino? 0 (0)

8 min de leitura · Vocês sabem como se deu a construção da mulher moderna, sua culpa  e o que isso tem acarretado? Quero te convidar a conhecer essa história e, ao…

Ninguém me ensinou a ser adulto 5 (2)

2 min de leitura · Já teve a sensação que não estava preparado para ser adulto? Que parece ter caído de paraquedas nesse mundo cheio de boletos e responsabilidades? Pois é, acredito…

Compreendendo a Autoestima 0 (0)

3 min de leitura · A autoestima pode ser entendida como a capacidade de conhecer a nós mesmos de forma compreensiva e consciente de nossas atitudes e valores. É uma visão geral…

“Espelhos”: Somos únicos e responsáveis em nossas relações? 5 (1)

3 min de leitura · Pode-se dizer que como um espelho, a analogia utilizada no título, “refletimos” no outro aquilo que sabemos, pensamos e sentimos sobre nós mesmo e você, concorda? Alguns…

Dá para deixar o passado para trás? 0 (0)

2 min de leitura · O passado é uma realidade imutável (passou) e quando se trata dele só existem duas escolhas: fugir negando sua existência ou aprender com ele.

Desmistificando o Suicídio 0 (0)

9 min de leitura · O suicídio, apesar de ser mais comum ultimamente nas mídias, não é um fenômeno recente. Registros históricos mostram que o suicídio data desde a antiguidade, no período…

Ignorância é uma benção. Será mesmo? 5 (1)

Dizem que a ignorância é uma benção mas será que é assim mesmo? Ignorar algo ou tornar-se ignorante é abdicar de viver na era do conhecimento e da informação em detrimento a se resguardar de uma dor. Será que vale a pena?

Tenha mais Responsabilidade Afetiva! 4.7 (3)

Essa semana um dos assuntos de destaque foram os Stories da Bruna Marquezine, onde ela fala sobre as críticas que recebeu por estar muito magra e o impacto disso. Isso me fez pensar como precisamos falar sobre responsabilidade afetiva!

Play: Não aperta só essa tecla para viver. 0 (0)

O pote não pode ficar cheio, nunca, nem de coisas boas e nem daquilo que é ruim, aprenda a esvaziá-lo sempre que houver necessidade. Não perca a oportunidade de estar bem, em paz, feliz e fazer outras pessoas se sentirem bem e serem felizes ao seu lado.

Processo terapêutico Comportamental – Uma reflexão! 5 (2)

Todos que pretenderem encontrar em si qualidades como segurança, autonomia, responsabilidade, tranquilidade, amorosidade e outras que - com certeza trarão uma maior qualidade de vida - podem buscar o processo terapêutico e a mudança comportamental.

O corpo que morre e o corpo que pulsa: precisamos falar sobre o tempo! 5 (1)

4 min de leitura · Tempo: De uns tempos pra cá, os estudos que mais têm me chamado a atenção são os relacionados ao tempo. Mas não daquele tempo relativo ao clima,…

Adolescência: queria uma outra relação com meus pais! 1 (1)

5 min de leitura · Adolescência é a transição da infância para a juventude e é uma fase conturbada. Wallon um dos teóricos que trabalhou nessa área fala inclusive sobre os lutos…

Tédio: O que fazer quando (se) está entediado 1.8 (5)

4 min de leitura · Tédio: ai, que tédio! É uma frase bem comum, não é? Quando pensei em falar dele aqui não imaginava que fosse tão complicado. Imagine que esse é…

Você está cuidando do seu corpo e da sua mente? 0 (0)

1 min de leitura · Corpo e mente, você tem cuidado deles? Esses dias tenho me sentido cansada, um cansaço além do normal. Não aquele que a gente tem depois de um…