Arquivo da categoria: Bem-estar

autoconhecimento

Autoconhecimento como dever para a mudança

0 min de leitura

O autoconhecimento é a chave para todas as mudanças que a gente busca.

“a crise está dentro de nós” – Sri Prem Baba

E enquanto a gente não entender o que somos e o que precisamos melhorar em nós mesmos, não adianta reclamar do governo corrupto, da bagunça no país, do trabalho chato. É preciso conhecer-se para que a gente se relacione de maneira mais saudável, construtiva e efetiva com o externo. É preciso que haja harmonia em mim, para que eu espalhe harmonia e perceba harmonia ao meu redor.

Vale a pena assistir esse vídeo, onde o querido Sri Prem Baba diz que autoconhecimento deveria ser política pública. Nós do psico.online concordamos plenamente <3

Ps.: Se você quiser iniciar esse processo de autoconhecimento, é só enviar uma mensagem pra gente. Clica no ponto de interrogação que tá aí do seu ladinho direito 😉

proatividade, multitarefa, pro ativo, excesso, várias funções

Proatividade, multitarefa e outras cositas más

4 min de leitura

Você até pode ser aquela pessoa com a proatividade a mil, que sai tomando decisões, fazendo e acontecendo por onde passa, mas cuidado para não ser um multitarefa frustrado, ok? Para que isso não aconteça, vamos compartilhar com você algumas informações interessantes.

Primeiro queremos saber. Com que frequência você usa o celular, o tablet e o notebook ao mesmo tempo? Aposto que sua resposta excede uma única vez. Tem sido incrível que a gente desempenhe tantas funções ao mesmo tempo, não? Isso é tão bem visto pelas empresas. MAS…

Isso pode gerar alguns problemas, sabia?

Continue lendo

insônia, contando carneirinhos, sono, noite em claro

Insônia: será o mal da humanidade?

2 min de leitura

Há alguns anos a insônia era minha companheira fiel, noite após noite estava ela ali na minha cama, acariciando minha cabeça num ritmo frenético que eu jamais conseguiria gostar. Os meses passavam e ela não me abandonava. Exercícios de respiração, meditação, chás dos mais variados sabores, escuridão total, nada adiantava. O desespero de quando a gente não dorme é tão intenso que mais cedo ou mais tarde, acabamos cedendo aos remédios e comigo não foi diferente.

Tenta um, perde a hora, tenta outro, ganha uma dor de cabeça de brinde, o terceiro e a gente acorda como se estivesse bêbada. Ok, vamos parar um pouquinho e pensar em algum outro plano, deve existir algum método infalível que eu ainda não tive conhecimento, não é possível! Continue lendo

Cada coisa em seu lugar. Você tem aceitado isso?

4 min de leitura

“Pra começar, cada coisa em seu lugar…” Assim começa a música “Um dia após o outro”, do cantor e compositor Tiago Iorc. A letra fala de superação, ponderação, paciência e esperança, e no conjunto da obra, a bela canção da nova MPB nos leva à reflexão de que para se alcançar o tão almejado equilíbrio, não devemos acelerar o processo natural dos acontecimentos.

E você? Tem aceitado que cada “coisa esteja (e permaneça) em seu lugar” ou a ordem das pessoas, dos acontecimentos e do seu universo, de maneira geral, lhe parece desordenada?

Você tem parado para escutar o seu corpo? Tem obedecido a vontade da Natureza agindo sobre ele, ou constantemente tem se esforçado em tirar as coisas do lugar? Continue lendo

felicidade eudaimónica e hedónica, bem estar, criança sorrindo, criança feliz

Felicidade eudaimónica e hedónica: já ouviu falar?

1 min de leitura

Você sabia que a gente tem dois tipos de felicidade e que elas levam nomes bastante estranhos, mas carregados de significados importantíssimos? Sabia que estar feliz não é bom só porque você se sente melhor, mas porque diminui a predisposição para transtornos como a depressão e o estresse, por exemplo? Pois é, estar feliz é bom e a gente precisa entender como aproveitar isso, mas hoje vamos focar em diferenciar esses dois tipos de felicidades. Continue lendo

mulher, dia das mulheres, feminismo, conquista das mulheres

Mulher: um dia pra refletir os avanços

2 min de leitura

Dia Internacional da Mulher, confesso que acho meio bizarro ter uma data comemorativa pra tudo, mas ok, tem coisa que precisa ser lembrada, celebrada (e coisa que precisa ser vendida)…

Vamos entender porque se comemora o dia 08 de março:

No Dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho. Continue lendo

felicidade, caminho, caminho florido, caminho com flores, flores

Em busca da felicidade (pelo caminho errado)

1 min de leitura

“Muitas pessoas perdem pequenos momentos de felicidade enquanto buscam grandes alegrias”. – Pearl S. Buck

Quantas vezes você desejou ter uma nova chance para poder dizer ou fazer algo de uma outra maneira?

Nesse momento é como se a gente percebesse que fez a escolha completamente errada e fosse tomado por um arrependimento gigantesco e tudo o que faz sentido agora é lamentar pela escolha e sofrer as consequências do erro. Acontece que a gente esquece de que a vida é uma constante história sendo escrita e que os erros fazem parte do nosso aprendizado, para que possamos, na sequência, acertar! Continue lendo

adversidades, problemas, desafios, piper, curta metragem, passarinho

Adversidades, problemas, desafios e as transformações que sofremos

0 min de leitura

Quantas vezes já falamos que a gente não amadurece se não passar por adversidades, problemas, desafios? Várias vezes, é só dar uma busca no blog que você acha, mas hoje a gente encontrou um curta-metragem, que mostra exatamente isso.

É um curta da Pixar que você precisa assistir com muita atenção e assimilar de uma vez por todas que não é porque enfrentou uma “onda de problemas”, que agora vai se esconder e esperar que alguém resolva tudo. Continue lendo

alteridade, diferenças, similaridades, raça, igualdade, unidade

Alteridade e os abraços que nos salvam

0 min de leitura

Quero compartilhar esse vídeo, que fala de alteridade e de como interagir pode nos salvar desse mundo egoísta e sem amor em que temos nos metido.

Que a gente saiba se colocar no lugar do outro, abraçar mais, sentir mais, refletir mais e atingir o conceito de unidade que nos coloca de volta na essência da vida e que nos transforma em iguais, mesmo em nossas mais singulares diferenças.

Que a gente abrace e se deixe ser abraçado, pra que isso nos mostre como o amor  Continue lendo

quando as coisas parecem não ter sentido, pessoa triste, pessoa na janela, vida sem sentido

Quando as coisas parecem não ter sentido algum

1 min de leitura

Geralmente, quando as coisas parecem não ter sentido algum, a gente se sente perdida, triste, irritada e é preciso um bocadinho de calma para que consigamos devolver o sentido nos eixos.

Nós recebemos uma Caixa de Segredos de alguém com muito pouca idade, dizendo que se sente muita angustiada, que tem tido muitos problemas e que seus pensamentos andam bastante negativos. Diz ainda que está difícil encontrar alguém que a entenda e que geralmente sofre muitos julgamentos e que não está sabendo lidar com tudo isso. Continue lendo

não sei o que fazer da minha vida, incerteza, dúvida, angústia

Não sei o que fazer da minha vida

1 min de leitura

Ah essa frase! Tenho certeza de que você mesmo já a pronunciou pelo menos uma vez em sua existência. Estar perdido em vários momentos, faz parte da história de qualquer pessoa e isso não é nenhum absurdo, mas também não podemos ignorar a situação que nos leva a expressar tal desespero. Continue lendo

necessidades básicas, pirâmide de maslow, autorrealização

Necessidades básicas e autorrealização

1 min de leitura

Temos vivenciado um período difícil, crises constantes, medo e incertezas quanto ao futuro. Vivemos um momento em que nada parece ser certo e qualquer objetivo pode desmoronar a qualquer momento.

Hoje pela manhã, conversando com uma pessoa querida, falávamos sobre os tais desejos de realização e as frustrações por não alcançá-los. A dor e o desespero de viver a um bom tempo mergulhada numa poça de sonhos não realizados e foi nesse momento que nos lembramos da famosa pirâmide de Maslow. Continue lendo

tempo, relógio, o tempo cura

O tempo e a compreensão curam tudo

1 min de leitura

Pense numa ferida. Uma recente, que sangra e dói. Uma ferida que deve ser limpa e protegida. A medida em que o tempo passa já não doerá e nem incomodará tanto, vai cicatrizando, aos poucos. Mas restará a cicatriz. Uma recordação.

A mesma coisa ocorre com algumas feridas emocionais. São cicatrizes que sempre serão parte de nós, apesar do tempo. E deve ser cuidada, compreendida e cicatrizada. E então tudo dependerá de como você gerencia seu passado. Como olha para essas cicatrizes. Continue lendo

alike, curta metragem, short film, delicadeza, sutileza, educação

Alike e as sutilezas da vida

0 min de leitura

Eu me deparei com esse curta “Alike” num festival de cinema e confesso, fiquei bastante comovida com a mensagem que ele carrega e chorei um bocadinho.

Alike, dos diretores Daniel M. Lara e Rafiki Cano, nos fala das sutilezas da vida, nos mostra como aos poucos vamos endurecendo e perdendo o brilho e tudo porque fazemos escolhas erradas diariamente. Priorizamos o material em detrimento do essencial e mesmo quando o essencial também é o trabalho ou a escola, por exemplo, esquecemos de olhar com delicadeza para as tarefas e as transformamos em coisas chatas, em obrigações maçantes e pesadas. Continue lendo

vida nova, árvore de natal, desmontar

Vida nova e a árvore de natal

1 min de leitura

Dia 06 de janeiro é o dia oficial para desmontar a árvore de natal, dia dos Reis Magos, final da primeira semana útil do ano novo e primeira semana da vida nova.

Pelo menos é o que desejamos com todas as nossas forças, vida nova!

Atribuímos ao ano novo uma estranha capacidade de mudança. Como se uma data tivesse um poder mágico, quase sobrenatural, de fazer com que a gente consiga tudo aquilo a que nos propomos, a partir de primeiro de janeiro. Continue lendo