Terapia com mais de uma psicóloga

Terapia com mais de um psicólogo faz bem?

4 min de leitura · 

Terapia com mais de um psicólogo faz bem?

Essa foi a dúvida que chegou para gente na Caixa de Segredos (ainda desativada) e que já respondemos: terapia com mais de um psicólogo só deve ser feita caso seja prescrita por uma equipe multiprofissional ou que tenha um bom motivo (explicitado pelo profissional responsável) para ser feita.

Nossa querida leitora, explicou que essa vontade de fazer terapia com mais de um profissional é pelo fato de acreditar que uma sessão por semana é pouco. E já já falaremos sobre isso.

Sobre o atendimento multi profissional.

O código de ética dos psicólogos

O código de ética do psicólogo é o documento que pauta a atuação dos profissionais de psicologia no Brasil e que foi redigido pelo Conselho Federal de Psicologia com a participação de vários profissionais super competentes.

Nele, está escrito a seguinte orientação para todos os psicólogos:

Art. 7º – O psicólogo poderá intervir na prestação de serviços psicológicos que estejam sendo efetuados por outro profissional, nas seguintes situações: a) A pedido do profissional responsável pelo serviço; b) Em caso de emergência ou risco ao beneficiário ou usuário do serviço, quando dará imediata ciência ao profissional; c) Quando informado expressamente, por qualquer uma das partes, da interrupção voluntária e definitiva do serviço; d) Quando se tratar de trabalho multiprofissional e a intervenção fizer parte da metodologia adotada.

Isso significa que, todo psicólogo só atenderá você em conjunto com outro profissional se um deles solicitar a participação (por exemplo, como especialista) do outro psicólogo e mesmo assim, eles deverão se comunicar para entender se, no seu caso, essa é uma alternativa viável.

Além disso, em caso de emergências. E, aí, entram as necessidades específicas e pontuais que precisam de suporte imediato ou onde você não pode contactar o psico que está trabalhando com você.

Nesse caso, provavelmente você conversará com um outro profissional que atenderá você e depois, na volta para o seu tratamento em andamento,  você mesmo avisará o profissional da sua confiança do que aconteceu.

Um outro momento é quando você for transferir-se de um profissional para outro e nesse caso: da interrupção voluntária e definitiva do serviço com o outro profissional, restando apenas um, seria até legal que houvesse uma troca entre os profissionais para entender o histórico.

E por último, quando o trabalho envolver uma equipe e nesse caso, essa equipe, acreditar que seja importante a participação de mais de um profissional no caso.

Sendo assim, se você, quiser fazer terapia com mais de um profissional, o seu psicólogo deve conversar com o outro profissional para entender se isso, de novo, é o melhor tratamento terapêutico para você.

E só por via das dúvidas, uma informação direta: a pessoa mais indicada para decidir isso é o seu terapeuta junto com você.

Uma sessão por semana é muito ou é pouco?

Depende.

Se você está acreditando que uma sessão por semana é pouco para o seu caso, é importante que comunique isso ao seu profissional e, em conjunto com ele/ela, decidam se vale a pena mais de uma sessão na semana (o que é permitido).

Há casos que vale a pena até um acompanhamento diário e noutros, o espaçamento é necessário, para que, por exemplo você aprenda a trabalhar esse período de espera entre uma sessão e a outra ou já que duas sessões seriam muito pesadas para determinado caso.

Logo, se você se sente assim e não contou para seu psico, tem que verificar se há um problema na relação com o seu profissional ou se é o caso de conversarem mais sobre isso.

E uma dica: conte para o seu psico, explique, diga o que você está sentindo sem titubear, essa conversa precisa ser clara para que o profissional compreenda a sua necessidade – o que não quer dizer que ele deva atendê-la, ok?

Terapia com mais de um profissional, faz bem?

Haverá casos que sim e também haverá os casos que não.

Na grande maioria das vezes (e não é uma regra) não faz mal e nem bem. Já ouviu o termo que nove grávidas juntas não farão uma criança nascer em um mês?

Não é por que em alguns casos mais pessoas faça um mutirão ser mais produtivo, que na sua terapia o caso se desenvolve da mesma maneira.

Profissionais diferentes podem ter abordagens distintas. Profissionais diferentes dividirão informações que podem se perder e que seriam importantes para o outro trabalhar.

São vários detalhes que farão a sua terapia caminhar.

O que é importante.

É importante ficar claro o seguinte: não deve ser você sozinha quem decide isso. Você deve falar com o seu psicólogo ou psicóloga como se sente em relação a frequência dos atendimentos.

Essa informação pode ser importante no seu caso e, então, na sessão vocês decidem se farão mais de uma sessão na semana.

Ψ

Sobrou mais alguma dúvida? Concorda ou discorda aquilo que abordamos no post? Comente, adoramos conhecer a sua opinião e ouvir (ou ler) aquilo que você tem a nos dizer.

E não se esqueça de votar abaixo e de compartilhar este post! 😉

O quanto este post foi útil para você?

Clique nos corações para votar!

Média / 5. Contagem de Votos:

Sentimos muito por este post não ter sido útil para você.

Nos diga como melhorar as postagens

Psico.Online

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

Participe, queremos ler o que você tem a dizer