Sabe o que psicologia humanista gostaria que você soubesse?

5 min de leitura · 

Todo autor ou fundador de uma linha de pensamento psicológica tem percepções brilhantes sobre os seres humanos que servem para ajudar um pouco mais sobre nossas motivações, dúvidas, conceitos e viagens acerca da psicologia e  também da vida.

A psicologia humanista tem como principal característica considerar o ser humano como um todo. Ela se baseia no fato de que há múltiplos fatores envolvidos na saúde mental, que todos eles convergem e que estão interligados: as emoções, o corpo, os sentimentos, os comportamentos e os pensamentos.

Os principais expoentes da psicologia humanista são Carl Rogers e Abraham Maslow. Outros autores beberam da fonte da psicologia humanista, mas acabaram seguindo suas próprias ideias.

Aqui, queremos apresentar para você alguma parte desses pensamentos, que servirão mais do que para auto ajuda, mas como um primeiro passo para que você procure um psicólogo ou psicóloga capaz de ajudar.

Suponho que é tentador tratar tudo como se fosse um prego, se a única ferramenta que se tem é um martelo.  (Abraham Maslow).

Toda a nossa construção mental parte do ferramental que adquirimos no nosso desenvolvimento: família, sociedade, estudo e experiência. Somos uma composição de ferramentas que nos direcionam mais para um lado ou para outro. Quando Maslow falou que é tentador tratar tudo como se fosse um prego, se a única ferramenta que se tem é um martelo, é um alerta para que você e eu, nos lembremos que existem outros pontos de vista. Outros ferramentais.

Tratar tudo com a mesma energia, não modificar nosso modelo de pensar nos deixa num confortável status quo, e o humanista, acredita que é necessário desenvolver-se, seguir uma evolução que componha muito de você para o mundo.

Há algo que te incomoda? Será que você não está tentando martelar um parafuso quando seria melhor se tornar uma chave de fenda ao invés de um martelo?

Quando olho para o mundo sou pessimista, porém quando olho para as pessoas sou otimista. (Carl Rogers)

Em algum momento das nossas vidas olhamos para o mundo com o olhar pessimista. Principalmente quando olhamos para o mundo – violência, fome, dor, “neuras” e tantas outras coisas angustiantes: depressão, solidão, irracionalidade.

Mas quando aproximamos nosso olhar e eliminamos os excessos, podemos encontrar os opostos: pessoas de bem, pessoas que lutam contra a violência, contra a fome, que buscam minimizar ou curar a dor e ajudam com as neuras.

Se nos afundarmos mais no indivíduo, perceberemos que há o bem naquele indivíduo – raras excessões – mas que o mundo não é podre, mas que há luz que brilha, uma chama que busca mudar as coisas para melhor.

Rogers acreditava na pessoa. Pois, quando vemos a pessoa, podemos perceber um Universo em expansão.

Você é aquilo que faz, não aquilo que diz que fará. (Carl Gustav Jung)

Atos e fatos. Há uma outra frase que roda através da internet que é: como esperar mudanças fazendo exatamente a mesma coisa?

Pois é, o Jung quer dizer que não adianta ficar no mundo do pensamento. Que as ações são importantes e que toda ação é ligada por uma série de conceitos que dão a dinâmica humana. Enquanto você diz que ama, diz que mudará aquele mau habito, você ainda não é aquilo, é uma potência, um projeto.

Uma ideia para se tornar real precisa ser executada, senão é sonho e é etérea. Você é aquilo que faz, não aquilo que diz que fará. Pense com carinho em tudo que você anda fazendo em contraponto daquilo que você diz e espalha no facebook, para os conhecidos e até mesmo para você.

Ah.. alias, esse é um ponto fundamental: o que você diz para você mesmo é fato?

Não procurem o sucesso. Quanto mais o procurarem e o transformarem num alvo, mais vocês vão errar. Porque o sucesso, como a felicidade, não pode ser perseguido; ele deve acontecer, e só tem lugar como efeito colateral de uma dedicação pessoal a uma causa maior que a pessoa, ou como subproduto da rendição pessoal a outro ser. ( Viktor Frankl)

Você já percebeu que quando você está de bicicleta, de carro ou moto e vê um buraco, enquanto permanece olhando para ele pensando: “preciso sair desse buraco” é quando você acerta o mesmo? Que o que você queria era escapar, mas acabou caindo?

Não é um dos meus melhores exemplos para explicar que muito do que acontece na vida de bom acontece quando você para de forçar: encontrar um amor, encontrar um amigo. Primeiro você deve estar inteiro e depois extrapolar para mais.

O seu alvo e objetivo tem que estar fora do buraco para sair dele. Olhar para o abismo fará com que o abismo olhe de volta para você.

O seu foco deve ser fazer as coisas com dedicação, entregar-se e se doar. Esses compostos sim que farão você mudar e atingir a felicidade ou seus objetivos: seja sucesso, riqueza ou amor. Forçar, só tende a trazer ansiedade, pânico, stress, o que convenhamos, não é muito bom, é?

Quero que vocês escutem o que sua consciência diz que devem fazer e coloquem-no em prática da melhor maneira possível. E então verão que a longo prazo – estou dizendo a longo prazo! – o sucesso vai persegui-los, precisamente porque esqueceram dele. (Viktor Frankl)

 

O amor imaturo diz: eu te amo porque preciso de ti. O amor maduro diz: eu preciso de ti porque te amo. (Erich Fromm)

 

Seja como você é. De maneira que possa ver quem és. Quem és e como és. Deixa por um momento o que deves fazer e descubra o que realmente fazes. Arrisque um pouco, se puderes. Sinta seus próprios sentimentos. Diga suas próprias palavras. Pense seus próprios pensamentos. Seja seu próprio ser. Descubra. Deixe que o plano para você surja de dentro de você”. (#PERLS, 1975, p. 28) PERLS, F. YO, HAMBRE Y AGRESION. Cidade do México: Fundo de Cultura Econômica, 1975.

O quanto este post foi útil para você?

Clique nos corações para votar!

Média / 5. Contagem de Votos:

Sentimos muito por este post não ter sido útil para você.

Nos diga como melhorar as postagens

Psico.Online

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

3 thoughts to “Sabe o que psicologia humanista gostaria que você soubesse?”

Participe, queremos ler o que você tem a dizer