necessidades básicas, pirâmide de maslow, autorrealização

Necessidades básicas e autorrealização

1 min de leitura · 

Temos vivenciado um período difícil, crises constantes, medo e incertezas quanto ao futuro. Vivemos um momento em que nada parece ser certo e qualquer objetivo pode desmoronar a qualquer momento.

Hoje pela manhã, conversando com uma pessoa querida, falávamos sobre os tais desejos de realização e as frustrações por não alcançá-los. A dor e o desespero de viver a um bom tempo mergulhada numa poça de sonhos não realizados e foi nesse momento que nos lembramos da famosa pirâmide de Maslow.

Não vou me deter em explicá-la, mas vou contar o insight que tivemos a partir dela.

Passamos as vezes meses, anos, uma vida, tentando entender porquê aquilo que tanto queríamos não aconteceu, chorando e reclamando por não termos conquistado um sonho, mas nos esquecemos de observar e cuidar de nossas necessidades básicas.

As necessidades básicas, uma vez atingidas, se transformam em degrau para o próximo passo.

Não é possível conquistar segurança se eu não tiver o que comer. Se no final do mês eu entrar em pânico pensando em como vou pagar o aluguel. Uma coisa depende da outra, como um encadeamento de ideias, para poder acontecer.

E a conclusão a que chego, é de que temos sido treinados a criar um grande objetivo pra vida, mas não nos treinam para viver no aqui e agora. Nos jogam no futuro, nos fazem querer sempre mais, mas não nos dizem como ter o essencial.

É importante conquistar o essencial para depois conquistar a autorrealização.

Minha dica é para que paremos por alguns minutos e possamos refletir se temos buscado e obtido o básico. Cada um sabe o que é o seu básico. Cada um sabe o que lhe é essencial para viver.

Precisamos parar de buscar o que por hora pode ser impossível, a pirâmide precisa de base e depois com paciência e constância, se constrói os demais degraus até atingir o topo. Se você não tem conseguido encontrar o que te é essencial, procure ajuda, o psicólogo pode te orientar e juntos vocês podem construir essa lista de necessidades e importâncias, que te levará cada vez mais alto 😉

Você vai gostar de ler também:

Raquel Ferreira
CRP 6/101759 - Graduada pela Universidade São Francisco, mestre em Ciências da Saúde pela Coordenadoria de Controle de Doenças do Estado de São Paulo. Psicóloga clínica desde 2010, busca constante aprimoramento na abordagem analítica. Estudou Cinesiologia no Instituto Sedes Sapientiae, frequentou grupos de estudo e supervisão teórica na Sociedade Brasileira de Psicologia Analítica de São Paulo e ainda, integrou o grupo de Neurociências do Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Atualmente é doutoranda em Psicologia Social, pela Universidad Complutense de Madrid.

Raquel Ferreira

CRP 6/101759 - Graduada pela Universidade São Francisco, mestre em Ciências da Saúde pela Coordenadoria de Controle de Doenças do Estado de São Paulo. Psicóloga clínica desde 2010, busca constante aprimoramento na abordagem analítica. Estudou Cinesiologia no Instituto Sedes Sapientiae, frequentou grupos de estudo e supervisão teórica na Sociedade Brasileira de Psicologia Analítica de São Paulo e ainda, integrou o grupo de Neurociências do Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Atualmente é doutoranda em Psicologia Social, pela Universidad Complutense de Madrid.

Participe, queremos ler o que você tem a dizer