feedback e feedforward

Feedforward, já ouviu falar? Feedback você conhece…

3 min de leitura · 

Feedforward, você já ouviu falar? Feedback é um termo muito utilizado, mas e o seu “oposto”?

Falamos sobre o feedback com uma facilidade absurda.

“Fulano de tal, darei um feedback”, “Ciclano recebeu um feedback que olha”, “Beltrano, como feedback acredito que seja possível”… aliás, no mundo corporativo utiliza-se muito desses estrangeirismos.

Até é possível supor que o termo já caiu nas graças das pessoas e muitos já entendem que vem um crítica, um conselho, um “recado” com base em algo que aconteceu quando fala-se do feedback.

Aliás, pesquisando para trazer elementos concretos nesse texto notei que os termos FeedBack e FeedForward têm sido utilizados com frequência no universo Coachings e pelos psicólogos institucionais e corporativos.

Aviso: não será essa a pegada ,”Corporate“, deste texto viu? Abordaremos de outra maneira.

Para não esquecer, vamos colocar três palavras aqui: preditiva, preventiva, corretiva.

Feedback

Por via das dúvidas, expliquemos os termos: o feedback trata aquilo que já vivemos, trata o passado. Seus sinônimos são: resposta, reação, comentários, criticismo, recepção, revisão.

Ele deriva da junção das palavras “Feed”+ “Back” e é utilizado na psicologia do comportamento como um sinônimo para Resposta a uma ação.

Na Psicologia Corporativa como comentários e revisão.

A boca pequena como “senta que lá vem história”.

O feedback olha para o que aconteceu, portanto, para o passado e a sua função fica ali na prevenção e correção dependendo de quem usa o termo.

O feedback serve como gatilho para que, através desse olhar, proponha-se dicas e críticas (construtivas) para melhoria continua, seja sua ou seja da ação em questão.

O feedback, virá sempre depois do “ato/fato”.

Feed

É legal falar sobre Feed também. O feed está relacionado a alimentar, nutrir. O que explica o feed+back, ou seja, a alimentação de “ação/conteúdo” após uma determinada ação.

FeedForward

Para nos mantermos literais o FeedForward pode ser interpretado com Feed (alimentar) com base em um meta (adiante).

Na maioria das vezes utilizam esse termo para aquele discurso motivacional, inspirador, com um objetivo que remete a algo.

Literalmente poderemos encaixá-lo em quatro categorias textuais (notem os negritos):

adjetivo
para a frente
forwardonwardprogressive
adiante
forward
avançado
advancedforwardhighfarupfar gone
dianteiro
frontforwardforeforemostheadmostup-to-date
adiantado
in advanceadvancedaheadforwardfastup
impaciente
impatienteagerrestiveforwardagogquick
precoce
prematureprecociousuntimelyforwardrathrathe
temporão
hastyprecociousforwardrathrathe
disposto
willingdisposedpreparedreadycontentforward
indiscreto
indiscreetobtrusiveinquisitiveleakycuriousforward
prematuro
prematureearlyuntimelyimmatureabortiveforward
advérbio
adiante
aheadforwardforthonin frontfore
à frente
aheadforwardforemost
avante
forwardonwardsonward
situado à frente
forward
verbo
enviar
sendforwardmaildispatchrefersend off
remeter
referremitsendforwardmaildeliver
expedir
issueforwarddispatchexpeditesenddespatch
despachar
dispatchexpeditesenddespatchforwardsend off
fomentar
promotefomentinstigateforwardput forwardembrocate
fazer seguir
forward
substantivo
a
dianteira
forwardstart
atacante
attackerforwardassailantlinemanlinesmanassaulter

e, nesse caso, se falarmos especificamente em determinado contexto podemos trazer inúmeros sentidos a expressão.

Será que falaremos de um formato de nutrir a impaciência (para atingir determinado objetivo)?

Será que devemos oferecer esse significado de “mantem-se” o foco no discurso à frente. Com o objetivo.

No caso das palavras de uso, o feedfoward tem o conceito preditivo, ou seja, ele prevê um resultado e age em esforço para ajustar suas ações para aquilo que se previu.

Afinal, feedforward, hoje em dia tem esse conceito: de prever uma visão e correr para alcançá-la. Será o melhor? Quem sabe em um outro post podemos discutir isso.

O uso de estrangeirismo

O problema de utilizar-se de estrangeirismo é que deixamos vaga a ideia daquilo que se quer dizer e subentende-se determinado conceito ou ideia deixando a informação que estamos passando nas mãos de quem está recebendo sem checarmos se ela está ok.

Não é errado, mas é arriscado acreditar que todos têm a mesma bagagem cultural que você para entender o significado que você dá a determinado termo.

As terminologias mudam de acordo com o tempo, mudam de acordo com a sociedade e com o grupo de pessoas que você convive. Pense nisso, na próxima vez que utilizar um jargão no seu dia-a-dia.

Será que o outro está compreendendo aquilo que você quer dizer?

Veja também

Empregabilidade: Procura-se profissional atraente

Nível de estabilização na resposta a perturbações imprevisíveis: efeitos sobre o feedback corrente e o feedforward.

 

Você vai gostar de ler também:

Psico.Online
Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.
Psico.Online on FacebookPsico.Online on GooglePsico.Online on InstagramPsico.Online on LinkedinPsico.Online on PinterestPsico.Online on TumblrPsico.Online on TwitterPsico.Online on WordpressPsico.Online on Youtube

Psico.Online

Psico Online - Psicólogas e Psicólogos 24 horas rápido, fácil e descomplicado. Psicologia Online para acolhimento psicológico. Somos uma plataforma de acolhimento psicológico 24 horas, ligando clientes e psicos, de maneira fácil e descomplicada. Reunimos profissionais da Psicologia, psicólogas e psicólogos, que oferecem orientação psicológica a fim de facilitar o acesso de pessoas que buscam auxílio profissional psicológico, em questões emocionais, de relacionamento, profissionais, autoconhecimento e saúde mental, de forma simples e rápida.

Participe, queremos ler o que você tem a dizer